A disfunção erétil pode ser revertida sem medicação

A disfunção erétil pode ser revertida sem medicação

Encontro:
28 de março de 2014
Fonte:
Universidade de Adelaide
Resumo:
Homens que sofrem de disfunção sexual podem ser bem sucedidos em reverter seu problema, concentrando-se em fatores de estilo de vida e não apenas confiando na medicação, de acordo com a pesquisa. Pesquisadores destacaram a incidência de disfunção erétil e falta de desejo sexual entre homens australianos com idade entre 35 e 80 anos.
Compartilhar:
HISTÓRIA COMPLETA
Homens que sofrem de disfunção sexual podem ser bem sucedidos em reverter seu problema, concentrando-se em fatores de estilo de vida e não apenas confiando em medicação, de acordo com pesquisa da Universidade de Adelaide.

Leia também: Impotência sexual masculina e feminina

Em um novo artigo publicado no Journal of Sexual Medicine , os pesquisadores destacam a incidência de disfunção erétil e falta de desejo sexual entre homens australianos com idades entre 35-80 anos.

Durante um período de cinco anos, 31% dos 810 homens envolvidos no estudo desenvolveram alguma forma de disfunção erétil.

“As relações sexuais não são apenas uma parte importante do bem-estar das pessoas. Do ponto de vista clínico, a incapacidade de alguns homens de se apresentarem sexualmente também pode estar ligada a uma série de outros problemas de saúde, muitos dos quais debilitantes ou potencialmente fatais”. “diz o professor Gary Wittert, chefe da Disciplina de Medicina da Universidade de Adelaide e diretor do Centro da Fundação Freemasons da Universidade para a Saúde Masculina.

“Nosso estudo viu uma grande proporção de homens sofrendo de alguma forma de disfunção erétil, o que é uma preocupação. Os principais fatores de risco para isso são tipicamente condições físicas e não psicológicas, como excesso de peso ou obesidade, um nível maior de ingestão de álcool”. , tendo dificuldades para dormir ou apneia obstrutiva do sono e idade.

“A boa notícia é que nosso estudo também descobriu que uma grande proporção de homens estava naturalmente superando problemas de disfunção erétil. A taxa de remissão daqueles com disfunção erétil era de 29%, o que é muito alto. Isso mostra que muitos desses fatores afetam os homens.” modificável, oferecendo-lhes uma oportunidade de fazer algo sobre sua condição “, diz o professor Wittert.

O autor principal do estudo, Dr. Sean Martin, do Centro da Fundação Freemasons da Universidade de Adelaide, afirma: “Mesmo quando medicação para ajudar com a função erétil é necessária, é provável que seja consideravelmente mais eficaz se os fatores do estilo de vida também forem abordados. .

“A disfunção erétil pode ser um problema muito sério porque é um marcador de doença cardiovascular subjacente e geralmente ocorre antes que as condições cardíacas se tornem aparentes. Portanto, os homens devem considerar melhorar seu peso e nutrição geral, se exercitar mais, beber menos álcool e ter uma melhor noite de sono, bem como endereço fatores de risco, como diabetes, pressão alta e colesterol.

“Isso não só melhorará sua capacidade sexual, mas melhorará sua saúde cardiovascular e reduzirá o risco de desenvolver diabetes se ainda não o tiver.”

Fonte da história:

Materiais fornecidos pela Universidade de Adelaide . Nota: O conteúdo pode ser editado por estilo e tamanho.

Referência do Jornal :

Sean A. Martin, Evan Atlantis, Kylie Lange, Anne W. Taylor, Peter O’Loughlin, Gary A. Wittert. Preditores de Incidência e Remissão da Disfunção Sexual em Homens . The Journal of Sexual Medicine , 2014; DOI: 10.1111 / jsm.12483
Citar esta página : MLA APA Chicago
Universidade de Adelaide. “A disfunção erétil pode ser revertida sem medicação”. ScienceDaily. ScienceDaily, 28 de março de 2014. <www.sciencedaily.com/releases/2014/03/140328102907.htm>.

TÓPICOS RELACIONADOS
Saúde e Medicina
Disfunção erétil
A saúde dos homens
Saúde Sexual
Doenças e Condições
Ginástica
Doença cardíaca
Câncer de próstata
Saúde adolescente
propaganda
TERMOS RELACIONADOS
Disfunção erétil
Disfunção sexual
Bissexualidade
Fertilidade
Educação sexual
Tratamentos com células-tronco
Tratamentos de calvície
Inflamação
HISTÓRIAS RELACIONADAS
Uma melhor comunicação sobre o sexo é tão eficaz quanto o “Viagra feminino”
19 de outubro de 2015 – Um tratamento hormonal com ocitocina melhora a experiência sexual de mulheres que sofrem de disfunção sexual. No entanto, um grupo de controle que recebeu apenas um placebo através de um spray nasal, mostrou … read more
De Blue Pill para Blue Light
23 de março de 2015 – A disfunção erétil é um assunto tabu entre os homens. Ninguém gosta de falar sobre isso. Mas o fato é que, à medida que os homens envelhecem, um número crescente sofrerá de disfunção erétil. A partir dos 30 anos, o … leia mais
Diminuição da atividade sexual, o desejo pode levar ao declínio da testosterona sérica em homens mais velhos
08 de março de 2015 – Em homens mais velhos, a diminuição da atividade sexual e do desejo, não a disfunção erétil, pode causar o declínio da testosterona sérica, um novo estudo da Austrália … leia mais
Doença vascular detectável precocemente associada à disfunção erétil
18 de novembro de 2014 – Homens que têm múltiplas anormalidades vasculares subclínicas detectáveis ​​são mais propensos a desenvolver disfunção erétil. A presença de calcificação da artéria coronária pode predizer o futuro aparecimento de … leia mais

Prevenindo Disfunção Sexual em Homens e Mulheres

Prevenindo Disfunção Sexual em Homens e Mulheres

Alguns tipos de disfunção sexual não podem ser evitados. No entanto, você pode reduzir o risco de certos tipos de disfunção, trabalhando para prevenir doenças que podem levar à disfunção. A adoção de certos hábitos saudáveis ​​pode reduzir seu risco. Por exemplo:

Leia também: Viagra Natural

Pare de fumar ou não comece
Faça exercícios regularmente, incluindo exercícios aeróbicos
Mantenha um peso saudável
Coma uma dieta bem equilibrada
Limitar a ingestão de álcool a um máximo de dois drinques por dia
Não use drogas ilegais
Se você tem doenças crônicas, como doenças cardíacas ou diabetes, tome medidas para controlar sua condição e melhorar sua saúde geral.
Se você estiver tomando medicamentos que podem causar disfunção sexual, pergunte ao seu médico se você pode mudar para outra droga que não tenha um efeito colateral de disfunção sexual. (Nunca pare de tomar a medicação prescrita sem a aprovação do seu médico).

Fonte: https://www.valpopular.com/viagra-natural/

Disfunção Sexual em Homens

Disfunção Sexual em Homens

Os problemas mais comuns relacionados à disfunção sexual em homens incluem distúrbios da ejaculação, disfunção erétil e inibição do desejo sexual. Estes e outros problemas de disfunção sexual podem ser corrigidos tratando as causas físicas ou psicológicas subjacentes.

Diagnóstico e Gestão de Testes e Prevenção do Tratamento
O que é disfunção sexual em homens?
A disfunção sexual é qualquer problema físico ou psicológico que impeça você ou seu parceiro de obter satisfação sexual. A disfunção sexual masculina é um problema de saúde comum que afeta homens de todas as idades, mas é mais comum com o aumento da idade. O tratamento pode ajudar os homens que sofrem de disfunção sexual.

Leia também: Estimulante sexual masculino e feminino, qual é o melhor

Os principais tipos de disfunção sexual masculina são:

Disfunção erétil (dificuldade em obter / manter uma ereção)
Ejaculação precoce (atingir o orgasmo muito rapidamente)
Ejaculação retardada ou inibida (atingir o orgasmo muito devagar ou nada)
Baixa libido (menor interesse em sexo)
O que causa disfunção sexual nos homens?
Causas físicas de disfunção sexual geral podem ser:

Baixos níveis de testosterona
Prescrição de medicamentos (antidepressivos, medicamentos para pressão alta)
Distúrbios dos vasos sanguíneos, como aterosclerose (endurecimento das artérias) e hipertensão arterial
Acidente vascular cerebral ou dano nervoso causado por diabetes ou cirurgia
Fumar
Alcoolismo e abuso de drogas
Causas psicológicas podem incluir:

Preocupação com o desempenho sexual
Problemas conjugais ou de relacionamento
Depressão, sentimentos de culpa
Efeitos do trauma sexual passado
Estresse e ansiedade relacionados ao trabalho
Como a disfunção sexual afeta os homens?
Os problemas mais comuns que os homens enfrentam com a disfunção sexual são problemas com a ejaculação, contrair e manter uma ereção e reduzir o desejo sexual.

Distúrbios da ejaculação

Problemas com a ejaculação são:

Ejaculação precoce (Ejaculação Precoce) – ejaculação que ocorre antes ou logo após a penetração
Ejaculação inibida ou retardada – a ejaculação não acontece ou demora muito tempo
Ejaculação retrógrada – no orgasmo, o ejaculado é forçado a voltar para a bexiga, e não até o final do pênis
A causa exata da ejaculação precoce (EP) não é conhecida. Enquanto em muitos casos o PE é devido a ansiedade de desempenho durante o sexo, outros fatores podem ser:

Estresse
Depressão temporária
História da repressão sexual
Baixa auto-confiança
Falta de comunicação ou conflito não resolvido com o parceiro
Estudos sugerem que a quebra da serotonina (um químico natural que afeta o humor) pode desempenhar um papel no PE. Certos medicamentos, incluindo alguns antidepressivos, podem afetar a ejaculação, assim como os danos nervosos nas costas ou na medula espinhal.

As causas físicas para a ejaculação inibida ou retardada podem incluir problemas de saúde crônicos (de longo prazo), efeitos colaterais de medicamentos, abuso de álcool ou cirurgias. O problema também pode ser causado por fatores psicológicos, como depressão, ansiedade, estresse ou problemas de relacionamento.

A ejaculação retrógrada é mais comum em homens com diabetes que sofrem de danos nos nervos do diabético. Problemas com os nervos na bexiga e no colo da bexiga forçam a ejaculação a fluir para trás. Em outros homens, a ejaculação retrógrada pode ser um efeito colateral de alguns medicamentos, ou ocorrer após uma operação no colo da bexiga ou na próstata.

Disfunção erétil (ED)

A disfunção erétil (DE) é a incapacidade de obter e manter uma ereção para a relação sexual. ED é bastante comum, com estudos mostrando que cerca de metade dos homens americanos com mais de 40 anos são afetados. Causas de ED incluem:

Doenças que afetam o fluxo sanguíneo, como o endurecimento das artérias
Distúrbios nervosos
Stress, conflitos de relacionamento, depressão e ansiedade de desempenho
Lesão no pênis
Doença crônica, como diabetes e hipertensão arterial
Hábitos pouco saudáveis, como fumar, beber muito álcool, comer em excesso e falta de exercício
Baixa libido (desejo sexual reduzido)

Baixa libido significa que seu desejo ou interesse pelo sexo diminuiu. A condição é frequentemente associada a baixos níveis do hormônio masculino testosterona. A testosterona mantém o desejo sexual, a produção de espermatozóides, músculos, cabelos e ossos. A baixa testosterona pode afetar seu corpo e humor.

O desejo sexual reduzido também pode ser causado por depressão, ansiedade ou dificuldades de relacionamento. Diabetes, pressão alta e certos medicamentos como antidepressivos também podem contribuir para uma baixa libido.

Conheça 5 dicas que funcionam para tratar a impotência sexual |

Conheça 5 dicas que funcionam para tratar a impotência sexual |

–>A impotência sexual, cujo termo médico mais atual é disfunção erétil, é um problema que afeta muitos homens, principalmente após os 40 anos de idade, e infelizmente, ainda é um tabu para muita gente.

(foto: Divulgação)
(foto: Divulgação)
Continua depois da publicidade
A medicina define a disfunção erétil como uma dificuldade em iniciar e/ou manter a ereção (força) durante a relação sexual. Ou seja, é como se o homem estivesse perdendo a força durante a relação. Mas isso não significa que o homem realmente tem um problema ou uma doença. Calma. Qualquer homem pode ter um “dia ruim” e falhar durante a relação, principalmente se ele estiver com pouco desejo ou passando por algum momento de maior ansiedade ou estresse.

Saiba mais: Prime Male o que é

Agora, se o problema vem acontecendo com frequência, a confiança está diminuindo e você já está pensando em usar um “azulzinho”, atenção!

Aqui vão algumas dicas que podem te ajudar a entender melhor o que está acontecendo:

1) Você não é o único homem a passar por isso. Isso pode acontecer com qualquer homem, em qualquer idade. Existe uma quantidade muito grande de homens que sofrem do mesmo problema.

2) Não sofra em silêncio. Falar sobre o assunto, seja com sua parceira ou com o médico, vai te fazer muito bem! Isso vai ajudar a reduzir essa pressão e a ansiedade que você esta sentindo.

3) Encare o problema de frente. Essa é a melhor atitude que o homem pode apresentar. É o primeiro passo para superar a barreira e seguir em frente. Não deixe o problema se arrastar, crescer e virar uma “bola de neve”.

4) Respeite os seus limites. É importante entender que você já não é mais aquele garoto de 20 anos de idade com toda aquela disposição. À medida que vamos envelhecendo, nossa frequência sexual pode ir diminuindo enquanto a qualidade pode ir melhorando, pois já conhecemos os “atalhos”.

5) Consulte um médico. A Medicina está aí para ajudar! Fazer uma avaliação completa vai ser muito importante pra te tranquilizar. Muitas vezes o problema de ereção pode ser o primeiro sintoma de alguma doença (por exemplo; diabetes, hipertensão, colesterol alto, entre outras) e fazer um diagnóstico logo no início pode prevenir o agravamento do problema.

Por outro lado, a perda de força pode ser apenas uma desregulação do nosso organismo ou sinal de ansiedade e estresse.

Saber que você não tem nenhum problema grave ou irreversível também pode te ajudar a lidar de uma maneira mais leve e positiva com o que aconteceu. Não se auto medique. Você já deve ter ouvido várias histórias de homens que tiveram problemas sérios por uso de Viagra (ou outros estimulantes sexuais) sem acompanhamento médico. Todo medicamento pode trazer riscos. É importante saber a causa do problema, o grau da disfunção e depois disso, seguir as orientações e as recomendações de tratamento.

A verdade sobre o pênis pequeno

Quando se fala em sexo, seja entre homens ou mesmo entre mulheres, surge frequentemente a questão do tamanho do pênis. E mais particularmente, o do pênis pequeno.

Pode-se pensar que os homens consertam essa grande história porque muitas vezes falam sobre isso, e alguns não hesitam em jogar regularmente “quem tem o maior” constantemente provocando um ao outro mais ou menos sutil sobre o assunto.

Muitos homens têm medo de ter um pênis pequeno, enquanto a maioria das mulheres não entende exatamente onde está o problema. Isso leva a um problema de comunicação que pode roubar cada um dos parceiros sem saber como estabelecer as coisas planas.

Então, para todos aqueles que fazem a pergunta, você está no lugar certo: este artigo permitirá que você responda às suas perguntas. Se você é um homem ou uma mulher, se você quer saber como você faz  quando você tem um pênis pequeno ? Como viver com? Como amamentar e não se envergonhar? Ou até mesmo como confiar e apoiar um homem com um pênis pequeno? Você encontrará as respostas para suas perguntas. Você vai ver, felizmente, não é tão complicado quanto parece…

As mulheres se queixam desde o início dos tempos sobre sua condição feminina: as regras são inúteis, dar à luz é o fim do mundo, a celulite é imunda , a depilação machuca, a menopausa é Muito ruim e assim por diante.

Mas estas são apenas pequenas preocupações que não são nada contra o pesado fardo que o homem carrega provido de um apêndice que é mais como um índice do que um sexo . Porque nós, senhoras, temos a oportunidade de modificar nosso corpo ampliando, levantando ou estreitando qualquer parte de nossa anatomia.

Enquanto  o homem só pode aumentar o comprimento de seu pênis por uma ou duas polegadas . Vamos enfrentá-lo, não é terrível! Quero dizer daqui que os maus idiomas dizem ”  mas não é o tamanho que importa, é a maneira como o usamos  ” – certamente pessoas que conseguem montar ovos com a ponta da neve seu nariz.

Além disso, sabe de uma coisa? Existe uma lenda urbana que diz que as mulheres não se importam com o tamanho do pênis … ou pelo menos não são tão importantes quanto os homens. Você sabia que os dois terços internos da vagina são muito insensíveis  ? Tão pouco estimulado pelo tamanho do pênis . A mecânica da satisfação feminina é mais complexa que a mera penetração (sim!).

Claro, a mulher, uma vez ou outra, quer ser levada. Mas é um impulso que o homem pode satisfazer mesmo com um pênis pequeno . Alguns homens são atraídos apenas por um baú volumoso, outros ficarão muito excitados com as nádegas musculosas de uma jovem. Estamos todos diferentes, finalmente, e devemos desenvolver complexos até agora? NÃO!

Eu não quero fazer psicologia de baixo nível, mas o “pênis pequeno” é um falso problema . Você sabe que o problema oposto também existe?

O pênis que é muito grande não agrada às mulheres . Um estudo mostra que mulheres casadas com homens com pênis grandes demais tendem a enganá-las porque o sexo é doloroso demais .

Você tem dúvidas  ? Ok eu entendo … vamos ver isso mais de perto; aqui estão algumas figuras para que você possa se situar (ou localizar seu homem):

  • Em repouso, o pênis mede em média 7 a 11 cm para um diâmetro médio de 3,2 centímetros.
  • Na ereção, mede em média entre 12 e 18 cm de comprimento e 3 a 4 cm de diâmetro. Abaixo de 8 cm na ereção, podemos considerar que estamos diante de um micro-pênis. Apenas 3% dos homens estão preocupados.
  • O comprimento médio para os franceses é de 15 cm. Além de 20 cm, entramos em uma categoria, rara, fora da norma …

Agora, vamos ao final dos números e ver qual é a medida de uma vagina  ?

A vagina mede em média em meninas de 7 a 10 cm e como eu disse; apenas sua parte anterior possui receptores sensíveis à pressão. O interior da vagina é sensível à pressão suportada, por isso é melhor ter uma ereção dura que dê mais sensações do que uma ereção longa . Finalmente, devemos saber que o clitóris também é muito sensível e joga fundamentalmente no prazer sentido. Não há ligação comprovada entre o tamanho do pênis e o prazer que o parceiro sente .

Isso significa claramente que, mesmo que o homem tenha um pênis pequeno, ele não será prejudicado para dar prazer ao parceiro . Depois, se ele ainda tem um problema, é mais em sua cabeça do que é e sua visão do pênis “normal” . Ele deve evitar o que é chamado de “síndrome do vestiário” – isto é, ele pode ter visto homens despidos com membros mais ou menos impressionantes e ele pensa em algo  anormal .

Os segredos do orgasmo

Ele está na boca de todos, nós falamos sobre isso, nós pesquisamos isso, mas na realidade, poucas pessoas realmente sabem disso. O que é orgasmo e quais são seus segredos? As respostas do Dr. Eric Du Perret.

O orgasmo vem do órgão grego que significa “borbulhar de fogo”. Orgasmo, este paroxismo de prazer sexual, esta “conclusão”, é muitas vezes a fonte de muitas questões e lendas.

Algumas pessoas não chegam a essa conclusão

EDP: Os números são cruéis, mas especialmente para as mulheres, que são quase uma em duas que não conseguem fazê-lo durante os seus relatórios, afirmando que estão satisfeitas com a sua sexualidade. Nos homens, por outro lado, a menos que tenham ereção ou problemas de saúde particulares, todos atingem o orgasmo, geralmente no momento da ejaculação.

Um homem não pode ter um orgasmo sem ejaculação?

EDP: Antes da maturidade sexual, antes da adolescência, um menino pode ter um orgasmo sem ejacular. Mas em um homem adulto, na grande maioria dos casos, um não passa sem o outro, mesmo que seja verdade que entre aqueles com problemas de ejaculação precoce, por exemplo, pode não haver orgasmo. 

E do ponto de vista fisiológico, o orgasmo é exatamente o mesmo para homens e mulheres?

EDP: Parece que sim, dizem especialistas, mas existem algumas diferenças. Por exemplo, a mulher teria orgasmos cerca de 8 vezes mais fortes que o homem. Nos homens, o orgasmo dura em média 6 segundos … Enquanto nas mulheres, esse prazer intenso dura cerca de 20 segundos. Finalmente, a mulher tem um maior potencial “polis orgásmico” do que o homem.

A duração da relação sexual está relacionada ao orgasmo?

EDP: Um estudo em mais de 1.000 mulheres confirma que a penetração não é necessariamente sinónimo de prazer para as mulheres e que a duração também é. A intensidade não depende da duração do relatório. Menos de um em cada cinco pensa que a duração da penetração desempenha um papel no nível de prazer.

Então, quais são as condições que promovem o orgasmo?

EDP: As respostas não são um grande segredo: o tempo gasto para aumentar a excitação, a intimidade emocional, mas também ter um parceiro sexual que sabe o que gosta e, portanto, Estimulação do clitóris durante a penetração, diz Debby Herbenick, diretor do Centro de Promoção da Saúde Sexual da Universidade de Indiana.

Quais são as manifestações do orgasmo?

EDP: Em princípio, orgasmo, todo mundo sabe. De fato, ainda tem muitas surpresas e pode ser expresso por manifestações estranhas. Por exemplo:

  • Ele mostra estrelas. A explicação provavelmente está também no fato de que o primeiro órgão sexual é o cérebro.
  • Ele está chorando. As endorfinas relaxam e exacerbam as emoções, elas são provavelmente a fonte da sensação de baço, embora o relato fosse perfeitamente satisfatório.
  • É acompanhado de ejaculação nas mulheres. Algumas mulheres podem emitir uma tal quantidade de fluido que é chamada “fontes femininas”. Seu número é difícil de apreciar, às vezes acontece apenas uma vez na vida, às vezes é com cada relatório. 
  • Ele corre e gira em um loop em si mesmo. A síndrome da excitação genital persistente existe. A excitação dura de várias horas a vários dias e às vezes são necessários vários orgasmos para superar, geralmente por masturbação.
  • Ele vem em um momento muito inesperado. Curiosamente, o tédio ou a ansiedade podem levar a ereções e às vezes até ejaculações.
  • Isso pode levar a uma “morte feliz”. É o acidente presidente da chegada Félix Faure 16 de fevereiro de 1899. Ele morreu nos braços de sua amante Marguerite Steinheil seguindo um boquete que causou um acidente vascular cerebral, um acidente vascular cerebral diríamos hoje. De fato, apenas 0,6% dos ataques cardíacos ocorrem durante o amor. 

Podemos ter orgasmos “demais”? 

EDP: Para registro, uma enfermeira inglesa relatou ter mais de 100 orgasmos por dia. Esta mulher está sofrendo do que é conhecido como síndrome da excitação genital persistente; em casa, esses sintomas ocorreram após um acidente de carro. É uma provação real para essa mulher, ela não pode mais viver normalmente, ela não pode dirigir, pegar transporte público, fazer o trabalho doméstico, porque sem nenhum estímulo sexual, ela tem orgasmos a qualquer hora de o dia.

Costuma-se dizer que o orgasmo tem virtudes terapêuticas?

EDP: Sim, é bom para a moral e a saúde. Por exemplo, do ponto de vista do bem estar, o prazer do orgasmo libera endorfinas, substâncias que têm um poderoso poder de relaxamento. Então, para os preocupados, os estressados, nada como um pouco de amor e sexo, claro. Também é bom para os insones. Como a liberação de substâncias como as endorfinas, isso pode causar quase o mesmo efeito que os tranquilizantes e, como resultado, promove o sono.

Caso você queira ter uma melhor performance no sexo conheça o estimulante sexual masculino chamado Big Size.

Também podemos dizer que é bom para o coração. Porque quem diz que o orgasmo, diz relações sexuais em geral e, portanto, atividade física, e sabemos, a atividade física é o melhor amigo da nossa saúde cardiovascular. É o melhor remédio, como se costuma dizer.

Pesquisadores da Universidade de Harvard mostraram que um homem com mais de 21 orgasmos por mês reduz seu risco de câncer de próstata em 22%.

Problemas sexuais masculinos: como as mulheres reagem

“Conversando com meus amigos, percebi que, se o homem tem um problema sexual, temos muito diferentes atitudes quando ele tem um problema de ereção ou se for muito rápido. Aconteceu-me ficar doente no primeiro caso e ficar muito zangado com o parceiro no segundo. Talvez imediatamente eu não mostrasse ou minimizasse, mas não aguento muito rápido. Eu prefiro aceitar alguma incerteza de ereção devido a muita emoção (ou porque existe a droga certa que, no entanto, o problema resolve isso?) “.
Martina F. (Chioggia)

Eu acordo esta Martina, pensei em ler seu e-mail legal e agudo. Sim, nós, mulheres, tendemos a ter atitudes muito diferentes dependendo do problema que ele apresenta. E é geralmente verdade que a agressividade emocional máxima é mais evidente em mulheres cujos parceiros sofrem de ejaculação precoce.

Como as mulheres reagem ao problema dele?

Na minha prática clínica, notei dois tipos de reações, que resumi citando as frases que mais ouço dizer dos parceiros. Quando ele tem um problema de ereção, ela pensa: “O que há de errado comigo? Talvez eu não seja bonita o suficiente! “; “Talvez eu não seja sexy o suficiente”; “Oh meu Deus, ele não gosta mais de mim !!!”; “Aqui, ele deve ter outra mulher … Claro, uma mais nova! Ou mais sgamata … “. Se ele sofre de ejaculação precoce, sim, nas primeiras vezes que ela tende a ser paciente, esperando que isso é a emoção das primeiras vezes, ou pouca experiência (se ele é jovem ou muito jovens), ou situação (mas talvez galeotta arriscado). Se o problema persistir, depois de um tempo eles ficam furiosos. Em resumo: “O que não funciona nele?!” Torna-se o pensamento dominante. E a irritação à franca agressividade cresce de vez em quando, quando ela pensa: “Mas por que ele não consegue se controlar um pouco?”; “Por que você me deixa insatisfeita o tempo todo?”; “Aqui está a verdade: de mim, do meu prazer, não me importo com isso! Caso contrário, trabalharíamos para controlar um pouco ‘, não?! “.
E aqui está a geada que é criada na intimidade se espalha progressivamente para outras áreas do relacionamento, com agressividade que pode vir a tocar o sentimento negativo e destrutivo que é o desprezo. Negatividade que cresce quanto mais obscurecemos e o amor, a ternura, a cumplicidade que a paixão se fez florescer e que, nos primeiros tempos, ajudou a mulher a minimizar o efeito negativo da decepção e da insatisfação sexual .
Por outro lado, hoje mais do que ontem a felicidade física sexual é o grande fator na união dos casais. E parece-me também o maior aliado da fidelidade. Quando os corpos são felizes juntos, o bem-estar irradia para todas as áreas do relacionamento. E ajuda a manter (mesmo que isso não garanta!) Uma espécie de base segura na qual construir juntos um projeto de vida. Por esta razão, hoje mais do que ontem, há grande atenção à qualidade da resposta física, nele e nela, e à intensidade da realização erótica. O que, para muitos, é mesmo a condição necessária para considerar seriamente se deve continuar um relacionamento ou não.
No entanto, também é verdade que nós, mulheres, às vezes nos tornamos rapidamente traiçoeiras e destrutivas, como se uma raiva antiga fosse catalisada na vítima que nos ilude sexualmente. Correndo o risco de não ver e perder outras qualidades pessoais que poderiam ser valiosas em um parceiro de vida. Naturalmente, não aceitando passivamente a decepção sexual, mas buscando juntos, e em breve, ajuda médica, farmacológica e sexológica que possa ajudar a resolver o problema.
Leia mais sobre o estimulante Max Gel.

MEMBRO DO SEXO MASCULINO: 6 COISAS QUE AS MULHERES OLHAM

Para um homem, é difícil ter sexo “real” com uma mulher sem pênis. Claro, quando você tira a roupa pela primeira vez na frente de uma mulher, ela vai olhar para o que você tem entre as pernas. É normal. Mas o que exatamente as mulheres estão procurando? Nós ouvimos tantas coisas diferentes sobre o assunto! A fim de ajudá-lo e reduzir o estresse que você pode ter antes do ato, aqui estão para vocês, rapazes, seis coisas sobre o seu equipamento que as mulheres valorizam.

1- O tamanho

A grandeza é realmente importante? Talvez ela se importe se você tiver um membro com uma polegada de comprimento, mas na verdade outro fator é mais importante: a circunferência . De fato, mesmo se você tiver um pênis de 3 ou 4 polegadas, se tiver uma conferência de 5 polegadas ou mais, você não terá que se preocupar com o tamanho do seu membro. Deve ser dito que a circunferência desempenha um papel mais importante ao estimular a vagina do que o comprimento. 

Se você esta triste com o seu tamanho conheça Gandrox XL

2- Higiene 

Alguns rapazes se concentram tanto no tamanho de seus membros que esquecem um dos critérios mais importantes: a higiene . Se você quiser fazer sexo, deve esperar que a mulher com quem vai dormir toque ou “deixe cair” o seu equipamento. E se ele cheirar vinagre, há pouca chance de que ela queira enfrentá-lo. Você deve dar uma importância ainda maior à higiene do que está no fundo do seu cinto, se você não for circuncidado. 

3- A aparência

Se for uma boa seta, você não precisará se preocupar com esse critério. Por outro lado, se estiver torto ou curvado para a esquerda ou para a direita e você estiver complexado por ele, é aconselhável notificar seu parceiro antes da grande noite. Você ficará menos estressado e mais propenso a ter uma ereção. Não nos esqueçamos de que muitos homens, por meio do estresse e da ansiedade, têm dificuldade em chamar atenção quando dormem pela primeira vez com uma mulher. Se você tirar o estresse do ombro, então você estará menos propenso a ter problemas na parte inferior do cinto durante o ato. 

4- Os testículos

Nós não falamos sobre isso com frequência, mas as mulheres também olham para seus testículos; menos do que o seu pênis, mas eles olham para eles de qualquer maneira. Não há muito a dizer sobre isso, exceto que as mulheres relutam em amar testículos que caem a seus pés.

Obviamente, você não pode fazer muito para evitar isso. Mas, ao que parece, se você costuma usar suportes (roupas íntimas ajustadas), especialmente quando pratica esportes, isso pode impedir que eles caiam demais. 

5- O cabelo

Outra questão que muitos caras se perguntam: devemos nos barbear? De acordo com  uma pesquisa recente , as mulheres admitiram que preferiam um cara que aparasse o cabelo, em vez de um cara que tivesse uma floresta ou que tivesse raspado tudo completamente. 

E nós podemos entender: o cabelo lhe dá uma aparência viril (você não parecerá um adolescente pré-adolescente). Ao mesmo tempo, se você fizer alguma poda, no topo do seu pênis e em seus testículos, seu parceiro terá mais vontade de tocá-los. Porque não é muito sexy se uma mulher lhe dá um pequeno tratamento e se encontra com um cabelo espetado entre os dentes. 

Além disso, não deixe sua floresta crescer demais, seu membro parecerá maior. Não será escondido por uma montanha de cabelos. 

6- Circuncidado ou não?

Isso realmente depende do gosto do seu parceiro. Por outro lado, parece que a única diferença para a mulher é do ponto de vista estético. Não haveria, à primeira vista, nenhuma diferença de sensações entre um pênis circuncidado e não circuncidado. No entanto, algumas mulheres vão dizer o contrário …

No entanto, se uma mulher lhe pedir para circuncidar, você terá que pensar duas vezes. Esse tipo de operação não é reversível …

A vitamina B ajuda no tratamento da impotência sexual masculina

A vitamina B ajuda no tratamento da impotência sexual masculina

Para garantir que o sistema reprodutor masculino funcione sem falhas, faz sentido tratar a disfunção erétil com a ingestão de vitamina B. A saúde de todo homem, incluindo a virilidade sexual, depende da quantidade de nutrientes que um homem em particular consome. E vitaminas do complexo B estão entre os nutrientes essenciais que normalizam a vida humana e aumentam sua capacidade de ter sexo satisfatório.

Em particular, é necessário prestar atenção à ingestão destas vitaminas se os outros distúrbios que podem piorar a saúde sexual não forem diagnosticados. Vitaminas para a potência são insubstituíveis porque promovem não apenas a libido sexual, mas também a capacidade de dar à luz um bebê saudável.

Melhor pílula de disfunção erétil – Remédio para impotência
Vitamina B6 para orgasmos leves
A vitamina B6 é o nome do grupo de três derivados de pirimidina, como piridoxina, piridoxal e piridoxamina, que estão intimamente relacionados e agem simultaneamente, sendo estes três compostos de grande importância para a saúde de todo o corpo como no corpo humano.

Piridoxamina é o composto mais forte e raro entre os acima.

Piridoxamina pode ser uma arma extremamente eficaz para resolver seus problemas Combatendo sexo Se você já esqueceu a capacidade de atingir orgasmos brilhantes, então a vitamina B6 é o que você precisa, tenha em mente que também melhora a produção e melhora a sua saúde dos testículos regulados.

Piridoxamina participa na síntese de serotonina um chamado hormônio da felicidade, e garante o funcionamento normal do sistema nervoso.

Deficiência de vitamina B6 leva a irritabilidade, dormência nas extremidades, fraqueza muscular, fadiga, sonolência, atividade mental prejudicada, neurite periférica, dermatite seborreica, estomatite, conjuntivite e, claro, potência sexual prejudicada. A deficiência desta vitamina pode ser o resultado do uso a longo prazo de drogas contra a tuberculose e distúrbios gastrointestinais crônicos.

A vitamina B6 é encontrada em alimentos de origem animal, como ovos, fígado, rins, coração, carne, leite e laticínios. Além disso, pimenta verde, repolho, cenoura, melão, mel, nozes, mingau e mingau de trigo sarraceno são ricos em vitamina B6.

Vitamina B3 (niacina) para ereções fortes
Vitamina B3 ou niacina está disponível em 3 formas, como ácido nicotínico, nicotinamida e hexaniacinato de inositol.

O ácido nicotínico promove maior função cerebral e ajuda a prevenir a impotência.Alguns parcialmente, a disfunção erétil ocorre devido à má circulação sanguínea.

O ácido nicotínico atua como um vasodilatador, mantendo os vasos sanguíneos em um estado saudável

Isso significa que a vitamina B3 pode aumentar o fluxo sanguíneo para a área genital, razão pela qual a vitamina B3 trabalha contra a ereção.

Os resultados indicam que 80 homens com DE moderada a grave relataram uma aparente melhora na ereção após tomar vitamina B3 no início do estudo.

Ao mesmo tempo, no início do estudo, os outros 80 homens com disfunção erétil leve que tomaram pílulas placebo não notaram nenhuma mudança nos sintomas. É importante notar também que no início, todos os 160 homens que sofriam de impotência tinham colesterol alto.

Deficiência de vitamina B3 causa depressão, apatia, fadiga, ardor nos pés, indigestão (constipação e diarreia), infecções respiratórias e pressão arterial baixa

Os alimentos com os níveis mais elevados de vitamina B3 são grãos , pão grosso, feijão, subprodutos (fígado, rins e coração), carne, peixe, fermento e cogumelos secos.

Vitamina B12: Tratamento Natural para Impotência
A vitamina B12 desempenha muitas funções importantes no corpo humano.

Promove a formação de glóbulos vermelhos, promove o metabolismo celular, apoia a função cerebral, melhora a função sexual nos homens e contribui para uma produção saudável de espermatozoides. Isso ocorre porque a vitamina B12 é necessária para a formação e duplicação do DNA, que, por sua vez, é responsável pela produção saudável de espermatozoides. E a deficiência de vitamina B12 interfere no material genético que transporta o esperma.

Os estudos mostram que a falta desta vitamina é um problema comum em países desenvolvidos e em desenvolvimento.

A maior parte da razão está em uma dieta pobre, ou seja, uma alta ingestão de alimentos que são expostos a altas temperaturas.

Injeções de vitamina B12 foram mostradas para aumentar a fertilidade masculina, aumentando a contagem de espermatozoides. Por exemplo, o estudo mostrou que o número de espermatozóides no ejaculado pode ser aumentado para mais de 100 milhões por ml quando os homens recebem 1000 microgramas de injeções diárias de vitamina B12.

Anteriormente, o número de espermatozoides no ejaculado era inferior a 20 milhões por ml, e tal quantidade está abaixo do nível normal que pode levar à infertilidade masculina.

Todos sabem que a disfunção erétil pode ocorrer por vários motivos. E, em alguns casos, pode ser devido à falta de vitamina B12. Se um homem não ingerir vitamina B12 suficiente por muito tempo, pode danificar o pênis. Consequentemente, não haverá ereção.

Além disso, a deficiência de vitamina B12 pode se tornar uma causa indireta da concepção. Quando um homem reclama de função sexual prejudicada, é necessário testar os níveis de vitamina B12 durante o exame médico normal.

Também é possível curar a disfunção erétil com vitamina B12 para proteger os nervos do pênis e estimular a circulação sanguínea. Isso lhe dará uma ereção saudável e duradoura. E outro bônus de bônus agradável que lhe dá esta vitamina é o aumento do desejo sexual.

A vitamina B12 é encontrada apenas em produtos de origem animal. Ou seja, a maior quantidade dessa vitamina está disponível em subprodutos (fígado, rins e coração). Outros alimentos ricos em vitamina B12 incluem queijo, frutos do mar (caranguejo, salmão e sardinha), carne e aves.

A deficiência de vitamina B12 é manifestada por diarreia, diminuição do apetite, formigamento da língua, queimação na língua, baixo ácido estomacal, alteração da sensibilidade da pele e distúrbios sensoriais nos músculos das extremidades.

Vitamina B2 para energia sexual
A vitamina B2 (riboflavina) desempenha um papel ativo na produção de certos hormônios e eritrócitos e na síntese de ATP, o chamado combustível vital. Além disso, protege a retina humana da exposição excessiva à radiação UV, assegura a adaptação escura do olho humano, aumenta a acuidade visual e a percepção da cor e da luz. A riboflavina é necessária para o crescimento de tecidos e regeneração de tecidos

Além disso, tem um efeito positivo sobre o sistema nervoso, fígado, pele e membranas mucosas e mantém a pele, unhas e cabelos saudáveis. E, claro, o que importa para os homens, o tratamento da disfunção erétil com vitamina B2 alivia os sintomas da doença masculina mais feia. Além disso, esta vitamina é conhecida como uma fonte de energia e vitalidade sexual.

Quando o status da vitamina B2 é baixo, ocorrem as mudanças negativas nos capilares. Isso significa que o tônus ​​vascular do vascular também diminui e o fluxo sanguíneo piora.

Isso tem um efeito negativo na função sexual. Finalmente, se você sofre de estresse com frequência, a deficiência de vitamina B2 certamente ocorrerá. Os sintomas desta deficiência incluem peeling, lábios rachados, estomatite, inflamação da língua, lesões cutâneas semelhantes a eczema, conjuntivite, fotofobia, secreção lacrimal e perda de visão.

Os produtos de origem animal, como ovos, carne, fígado, rins, peixe, produtos lácteos, queijo e vegetais de folhas verdes (especialmente brócolis e espinafre) e levedura são ricos em vitamina B2.

Ácido fólico para produção saudável de esperma
A vitamina B9 (ácido fólico) é necessária para a absorção da vitamina B. E a vitamina B9 é especialmente importante para a absorção de vitamina B5.

O ácido fólico é muito importante para os homens porque estimula a produção de espermatozoides e melhora a função do sistema cardiovascular. Isso, por sua vez, contribui para a melhoria da função sexual nos homens. Então, se você usar vitamina B9 para tratar a disfunção erétil, você também vai melhorar sua potência masculina.

Baixo nível de vitamina B9 causa doença intestinal, dermatite, disfunção hepática e língua vermelha seca e brilhante. O ácido fólico vem em vegetais verde-escuros (alface, espinafre, salsa e cebolinha), cebola amarela, cenoura, levedo de cerveja, couve-flor, melão, damasco, feijão, abacate, gema de ovo, fígado, rins e cogumelos.

No corpo humano, o ácido fólico interage com a vitamina B12, ácido pantotênico e vitamina B7 (também chamada de vitamina H ou biotina). Os sinais de uma deficiência de biotina podem ser perda de cabelo, inflamação da pele, branqueamento da pele, inflamação da mucosa, depressão, sonolência, anemia, alterações do açúcar no sangue, dores musculares, perda de apetite, náusea e insônia.

Além disso, uma pessoa se sente cansada, irritada e deprimida. Como resultado, a libido masculina e a atividade sexual diminuem. Isso, por sua vez, prejudica o desempenho sexual.

A vitamina H é encontrada em vários alimentos afrodisíacos. Assim, os produtos de origem animal, como fígado de porco, fígado bovino, rim e gema de ovo, contêm a maior quantidade dessa vitamina. No que diz respeito a alimentos de origem vegetal, contém tomates ricos em vitamina B7, soja, arroz integral, farelo de arroz, farinha de trigo, couve-flor, maçãs e laranjas.

Aumentar a vitamina B1 para a libido
A vitamina B1 está diretamente envolvida na síntese de proteínas, gorduras e carboidratos. Mais comumente, você encontrará esta vitamina à venda sob o nome de cloridrato de tiamina. Ela ajuda no enfrentamento da disfunção tireoidiana e, consequentemente, na diminuição da libido masculina.

Portanto, vitamina B1 faz parte da lista de remédios para impotência sexual pois ajuda você a aumentar significativamente sua libido.

A hipovitaminose pode ocorrer devido à adesão a uma dieta monótona, o que implica o consumo de produtos de cereais refinados; consumo excessivo de carboidratos e proteínas; alcoolismo crônico; Abuso de cerveja; consumo adequado e a longo prazo de peixe cru (carpas e arenques); trabalho físico pesado e tensão nervosa; exposição ao calor ou frio; doença intestinal; diabetes; e tireotoxicose

Os sintomas da deficiência de vitamina B1 incluem diminuição do apetite, náusea, constipação, dor de cabeça, irritabilidade, perda de memória, polineurite periférica, taquicardia, desconforto respiratório, precordialgia e fraqueza muscular.

Há os seguintes alimentos ricos em vitamina B1: fermento seco, ervilha, feijão, cereais, nozes, amendoim, fígado, rim, coração, gema de ovo, leite, mingau de trigo sarraceno, pão integral, iogurte e farelo

Ácido pantotênico para alta produção de testosterona
A vitamina B5 (ácido pantotênico) é insubstituível se você quiser aumentar a expectativa de vida. A vitamina B5 tem um efeito positivo no sistema nervoso e na motilidade intestinal. O pantotenato de cálcio é uma forma de vitamina B5 que tem um forte efeito anabólico, aumenta a síntese de hormônios esteroides e participa da síntese da coenzima A.

Além disso, o pantotenato de cálcio ajuda na liberação de energia dos alimentos. Por isso, melhora a resistência e resistência do seu corpo e aumenta a tolerância dos seres humanos para cargas diferentes.

O ácido pantotênico desempenha um papel importante no metabolismo de carboidratos e lipídios e na síntese de certos hormônios, especialmente a testosterona.

A vitamina B5 também aumenta o impulso sexual, aumenta a excitação sexual, ativa a microcirculação nos órgãos pélvicos, estimula uma ereção e influencia positivamente a contagem de espermatozoides. Como você pode ver, a vitamina B5 é extremamente importante para a saúde dos homens.

Os sinais típicos de deficiência de ácido pantotênico são cano plastia, alopecia, espessamento anormal da pele, astenia, distúrbios do trato gastrointestinal, irritabilidade e fadiga.

As melhores fontes naturais de vitamina B5 são fígado, rins, carne, coração, ovos, vegetais verdes, levedo de cerveja, sementes e nozes. Tenha em mente, no entanto, que a preservação, o congelamento e outros métodos de processamento industrial de alimentos destroem facilmente o ácido pantotênico. Portanto, apenas alimentos não processados ​​podem fornecer vitamina B5.

Complexo de vitamina B para disfunção erétil
Infelizmente, é impossível obter todos os nutrientes essenciais, incluindo vitaminas B, em quantidades suficientes com alimentos. No entanto, ainda é possível compensar a falta dessas vitaminas devido a uma suplementação suficiente.

Agora você sabe quais são as vitaminas do complexo B e que papel desempenham no funcionamento do corpo humano. E, sem dúvida, a notícia mais importante é que essas vitaminas podem apoiar a libido masculina e curar a disfunção erétil. Portanto, use o complexo de vitamina B para tratamento da impotência sem demora!

Melhor remédio para disfunção erétil

Xtrasize é uma alternativa natural ao Viagra. Os melhores remédios para impotência sexual masculina ajudam a restaurar o desejo sexual nos homens, que promovem o aumento da atividade sexual.

Maca Peruana: Preço e Efeitos colaterais

Maca Peruana: Preço e Efeitos colaterais

Se você está tendo problemas de ereção, ejaculação precoce, falta de desejo sexual ou até mesmo falta de energia para qualquer atividade no dia a dia.

Maca Peruana
Saiba que isso é algo comum e que você não precisa se desesperar. Mas se você quer acabar com isso logo e ter uma vida muito melhor, você precisa da Maca Peruana, um suplemento totalmente natural que reúne a famosa Maca Peruana e a cafeína, que juntos vão te proporcionar um aumento do desejo sexual e também da energia, além de vários outros benefícios.

Onde Comprar
1. Onde comprar Maca Peruana mais barato? A Maca Peruana é um produto vendido exclusivamente no seu site oficial (link) que é onde você encontra também os melhores preços, uma vez que estará comprando diretamente do fabricante, que é quem pode lhe oferecer as melhores condições de compra.

Por isso, se você encontrar esse produto sendo vendido em outros sites e até mesmo em lojas físicas desconfie da autenticidade dele. Poi somente as compras no site oficial possuem garantia de satisfação e de todos os benefícios que a Maca Peruana pode oferecer aos consumidores.

Por isso, se você quer ter todos esses benefícios o mais breve possível, compre o seu suplemento agora mesmo clicando no botão abaixo.

Quanto Custa
2. Qual o preço do Maca Peruana? Quanto custa? Pelas próximas horas o site oficial da Maca Peruana está com uma super promoção, onde na compra de qualquer quantidade de frascos do produto você leva o dobro. Por exemplo, se você comprar um frasco, levará mais um inteiramente grátis. Se comprar dois frascos receberá em sua casa quatro frascos pelo mesmo preço e o melhor de todos, se comprar três frascos receberá em casa ao todo 6 potes de Maca Peruana ,um tratamento mais que completo para você.

Na compra do Kit básico que vem com dois frascos você irá pagar 12X de R$ 18,06 reais
Na compra do kit médio que vem com quatro frascos pelo preço de 2 você paga 12X de R$ 30,11.
Na compra do Super Kit com 6 frascos pelo preço de apenas 3 você paga 12X de R$ 40,15 reais.
São parcelas pequenas e benefícios enormes. Então não perca essa chance e garanta o seu kit antes que a promoção acabe.

Funciona
3. Maca Peruana Funciona Mesmo? A Maca Peruana é uma planta muito famosa devido a todas as suas propriedades naturais e afrodisíacas, muito utilizada a séculos ela é uma das melhores opções para quem está tendo problemas de ereção, ejaculação precoce e falta de desejo sexual, pois ela melhora tudo isso de maneira natural, apenas ajudando o corpo a produzir melhor os hormônios e aumentando a libido.

Já a cafeína é um energizante extremamente poderoso, que ajuda a ter mais energia e disposição para qualquer tipo de atividade, inclusive para o sexo.

Unidas a Maca Peruana e a Cafeína formam os principais ingredientes da Maca Peruana que traz diversos benefícios para quem o consome.

Por isso é possível dizer que sim, a Maca Peruana funciona muito bem, pois proporciona mais energia, mais disposição, aumento do desejo sexual, fim da ejaculação precoce e dos problemas de ereção. Você se sentirá uma outra pessoa com esse suplemento.

Como Usar
4. Como Usar o Maca Peruana? A Maca Peruana possui dois tipos de cápsulas, uma com um complexo de vitaminas e cafeína, que deve ser ingerida no período da manha, de preferência assim que acordar, e outra com um complexo de nutrientes, minerais e Maca Peruana, que deve ser consumida no período da noite.

As duas cápsulas com o uso diário e sempre no mesmo horário, juntas possuem uma super ação que proporciona todos os benefícios da Maca Peruana.

Os resultados são muito rápidos e podem ser vistos desde o primeiro uso. Porém sempre tome apenas a quantidade recomendada no frasco do produto e evite uma super dosagem, pois isso não ajuda a potencializar os resultados, pelo contrário, pode acabar provocando problemas de saúde.

Efeitos Colaterais
5. Maca Peruana possui contra indicação ou efeitos colaterais? A Maca Peruana pode ser utilizado por homens e mulheres de qualquer idade, pois é um produto feito a partir de ingredientes naturais, como a Maca Peruana e a Cafeína, que junto com outras vitaminas e nutrientes formam esse potente e natural suplemento.

Porém grávidas ou que estejam em período de amamentação, assim como crianças com menos de 12 anos, pessoas com hipertensão e diabetes, devem consultar o médico antes de começar a tomar a Maca Peruana.

Por ter ingredientes que são naturais ela não possui efeitos colaterais, mas pessoas que têm problemas de insônia deve evitar o uso da cápsula de caféina em períodos noturnos.

Reclamações
6. Maca Peruana no Reclame Aqui. A Maca Peruana tem uma ótima reputação no Reclame Aqui, isso significa que você poderá comprar esse produto sem se preocupar se ele é uma enganação. Pois ter uma boa reputação nesse site quer dizer que os clientes que já compraram tiveram boa experiência com o uso desse suplemento.

Inclusive muitos deles enviam seu depoimento contando como a Maca Peruana mudou toda a sua vida, proporcionando mais energia e disposição para diversos momentos do dia a dia, e melhorando também o desempenho das funções do corpo.

E você também pode ter todos esses benefícios comprando a Maca Peruana agora mesmo.

Mercado Livre Remédio para impotência
7. Vale a pena comprar Maca Peruana no Mercado Livre? O Mercado livre é um dos sites mais conhecidos do Brasil e vende diversos produtos, porém não vale a pena comprar a Maca Peruana nesse site, uma vez que os produtos vendidos la nem sempre são os originais e quando são não é o vendedor oficial que está oferecendo o produto, fazendo assim com que você compre sem nenhuma garantia.

Já se você comprar no site oficial, você terá a garantia de 30 dias, que funciona da seguinte maneira, você utilizar a Maca Peruana por um mês e se não tiver os resultados esperados pode pedir o seu dinheiro de volta. Porém essa garantia é exclusiva para quem comprar o produto em sua loja oficial. Então não perca essa oportunidade de ter uma compra sem riscos, pois você tem a satisfação ou seu dinheiro de volta de forma fácil.